Porque precisamos de cabelo?

Desde a Antigüidade o homem sempre valorizou os cabelos, pois transmitiam imagem de força, beleza e poder.

Os calvos, como Júlio César, passavam horas arrumando os cabelos de trás para a frente no intuito de disfarçar a calvície.

Os cabelos sempre foram objeto de estudo. No livro Papiros de Ebers, publicado em 1875, há narrativas da medicina egípcia em que estão descritas as patologias capilares.

Um dado curioso observado por Hipócrates foi que os eunucos e as crianças não apresentavam alopécia. Hoje isso é sabidamente conhecido por meio da terapia com andrógeno (propionato de testosterona).O tratamento capilar para conter a queda dos cabelos é descrito há alguns milênios. Muitas poções ditas milagrosas eram ministradas, desde mistura de vegetais, minerais, excrementos de animais e até unguentos.

Nos anos 1960, o comprimento do cabelo não era apenas uma questão de moda, mas também uma afirmação politica.Em algumas civilizações antigas, o cabelo era simbolo de poder, enquanto em outras, era considerado simbolo de sabedoria. Na história Japonesa, a importância do cabelo feminino só era menor que sua própria vida. Até mesmo em tempos modernos o significado do cabelo e seu estilo ainda estão profundamente enraizados em todas as culturas.

Afinal, O que é o cabelo ?

O cabelo é uma haste fibrosa formada por células  mortas, compostas basicamente por uma proteína chamada queratina, produzida por células chamadas queratinócitos, a única parte viva do fio de cabelo é a que está no bulbo, na derme do couro cabeludo. Há cerca de cem mil folículos capilares no couro cabeludo. Cada um desses folículos foi  criado por uma relação especial entre a derme e a epiderme.

Os ciclos de crescimento

O que é cabelo (2)

Como muitos outros elementos da natureza, o crescimento capilar acontece em ritmos e ciclos. Cada ciclo completo tem 3 fases que se repetem continuamente por toda a vida, chamadas de fase anágena, catágena,e telógena

A fase anágena é a fase de crescimento, há uma ativa produção pelas células troncos, de células novas no folículo capilar.Essa fase dura em torno de três e cinco anos, mas pode chegar até dez anos.

Na fase catágena é a fase de transição. Nela, o fio de cabelo encolhe até um terço de seu comprimento, deixando a derme papilar bem abaixo.O bulbo capilar desaparece e a terminação da raiz encolhida forma um bastão.As células também param de produzir melanina, e a raiz fica com aparência esbranquiçada.Nem todas  as atividades nessa fase são destrutivas. Nessa fase, o folículo  também está preparando novo crescimento, produzindo células germinativas (sementes) para o novo crescimento, elas contornam o folículo piloso e aguardam o sinal para renovar a fase anágena

Fase Telógena

É o estágio de descanso.O eixo o cabelo envelhecido cai. O cabelo nessa fase pode permanecer no local até ser empurrado para fora pelo crescimento e um novo fio.O folículo permanecerá em descanso na  fase telógena de três a seis meses. O ciclo todo se repete a cada quatro ou cinco anos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: